Como escolher uma chucha adequada para o meu bebé?

O tema da chupeta ou chucha é muito controverso, ainda assim, a maioria das crianças utiliza desde cedo por ser a mais popular estratégia para acalmar e adormecer os bebés. Quando em consulta ou nos workshops se aborda este tema, existem ainda muitas dúvidas sobre qual o modelo de chupeta mais adequado (ou menos prejudicial!).


Existem dois grandes tipos de chupetas as ortodônticas ou anatómicas e as convencionais ou em gota. A grande questão está no que acontece quando introduzimos a chupeta na boca do bebé e dos dois modelos, as chamadas ortodônticas são as que provocam menos alterações ao nível dos dentes e palato mas são as mais prejudiciais no global.


Porquê? Porque empurram a língua para a parte posterior da boca dificultando a respiração, alterando a sucção e dinâmica muscular que será essencial para a mastigação, dicção (fala) e formação da mandíbula da criança.

✔️Por isso, recomendo as convencionais ou em gota. Que apesar de alterarem mais os dentes e palato, estas são estruturas que na fase de crescimento se consegue corrigir mais facilmente.

Sobre este tema existem 5 pontos essenciais:
👶🏻A chupeta altera o padrão respiratório do bebé
👶🏼A musculatura da boca e face tem um desenvolvimento desadequado
👶🏾O desenvolvimento ósseo é comprometido e leva a alterações do palato e posição dos dentes
👶A chupeta é uma invenção moderna que surgiu milhares de anos após a necessidade de sucção dos bebés
👶🏿Não existe chupeta que simule a mama

Bebé a bebé mudamos o mundo de amanhã

Deixe uma resposta